s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Claudia Almeida
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia
Amaznia

Quando o bicho no da seda
uma rede tecida na floresta
o vento passa junto com o orvalho
o crculo no se fecha...
o veneno soluo de laboratrio
engarrafado que nem saci
todo dente de cobra tem um rtulo
o sapo que mata engole os mistrios
o chefe o homem da mata
e a natureza retira e deixa o extrato
decomposio vira colher destilada
e as slfides na leveza do ar
espiam pelo funil o labor do planalto.

Claudia Almeida

Condor

Que o amor plane
Dos Alpes aos Andes
guias e santurios em pane
De lado na rvore seus cantos
Histrias de Davos
ngulos na mente
No bruxo de Machu Picchu
Superar o futuro das fotos
Esperta manobra selvagem
Armadilhas de roteiros
No destino da aurora
Completar os olhos
Luz, sombra, cor
possvel a viagem no ar?
Por mais que queiram
Pequenos pssaros
Cativeiros
Crescem e viram Condor.

Claudia Almeida

Crrego das Letras

Debruada em poesias
Entrego meus pensamentos
Poderia ser um varal de roupa
Penduradas, estendidas
Cndidas, encharcadas
Num leito de um rio
Primitivas pelo crrego
A espera de um viajante a ler
Como um barquinho de papel
Elas se foram, como frota amada
Em cada canal...
Deixaram de ser barquinho
Colocadas ao sol pra secar
Pra quem sabe predizer
Maana no estar en casa,
O horizonte h de abra-las.

Claudia Almeida

biografia:
Claudia Almeida
, nascida em Niteri-RJ em 1962, onde reside no momento.
Como educadora e poeta autodidata, necessito, a vontade em escrever o agora.
Para todos os cidados, aos que no tem informao, aos que pensam e refletem em possibilidades e expanso da nossa Humanidade e Alma!

claudiaalmadepoeta@gmail.com

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s