s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Claudia Dutra Gallo
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia
SONETO DA VIDA NOVA

Ainda que te pisem duramente o corao
Ou que profundamente te firam as entranhas,
Reaja bravamente contra as foras mais estranhas
Recomea tudo com o poder das tuas mos.

Reescreva em novas pginas toda a tua histria.
Aquilo tudo que fora por ti vivenciado.
Tudo o que te fizera feliz ou machucado,
Mas em novos captulos, nova trajetria.

Reinventa os teus dias co'as belas canes das manhs.
Renasa das cinzas co'a esperana mais lou,
Acreditando na fora mor que move a Vida.

Ressurja novo! Deixa o passado, j hora!
Pois o passado no deve interferir no agora
E a mgoa de outrora deve jazer equecida...

- - - - -

Parte de Mim

Tuas mos to pequenas:
As minhas mos de ontem...

Tua face to lmpida:
Meu rosto que perdi...

Teu riso confiante:
Meu riso de outrora...

Teu abrao sereno:
Meu abrao sem fim...

O teu amor to puro:
O meu eterno amor...

Teu corpo pequeno:
Maior parte de mim...

Teus olhos, tua calma:
Meus espelhos d'alma...

- - - - -

Onde Florescem as Verbenas?

Onde Florescem
as Verbenas?
Aqui no meu peito,
Junto a outras
Flores j mortas...
A tudo o que
J no importa...
E ao que j no
Vale a pena...

Onde Florescem
as Verbenas?
Aqui no meu peito,
No meio do nada...
Em meio a tudo
O que h...
Aos meus maiores
Dilemas...

Onde Florescem
as Verbenas?
Aqui no meu peito
Junto aos cactos,
Aos antigos fatos...
Aos falsos relatos...
minha dor extrema...

Aqui florescem
As verbenas:
No canto equerdo
Do meu peito,
Em qualquer tempo,
junto s aucenas...

biografia:

Nasci no Rio de Janeiro. Professora, trabalho h mais de vinte anos como educadora. Me de dois filhos: Ibrahim e Emmanuel, que so o que mais amo e para os quais vivo, vejo na maternidade a minha realizao maior como mulher e como ser humano. Gosto de escrever poesia, mas no me atreveria a dizer que sou poeta. Porm, desde muito cedo descobri que escrever era uma das coisas que mais me davam prazer. Por isso escrevo. Possuo inmeras publicaes eletrnicas participando de vrios sites, grupos, fruns, revistas... Tenho tambm vrias publicaes em Antologias lanadas pelas editoras CBJE, Litteris e Bianchi, que me deram o prazer e a honra de editarem alguns trabalhos meus.. Enfim, o que escrevo est por a, como folha ao vento, pois acredito que a poesia deva ser livre para ir onde quiser...

Para conhecer um pouco mais do meu trabalho:

http://www.lunaeamigos.com.br/rahna/rahna.htm
http://ww.poemar.com/Rahna.htm
http://www.recantodasletras.com.br/autores/rahna
http://www.temploxv.pro.br/autor.aspx?id=492
http://www.camarabrasileira.com/claudiadutra.htm
http://oasisvalley.net/rahna/rahna.htm
http://www.kakinet.com/graffiti/

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s