s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Vera Lcia de Campos Maggioni [Cnsul - Santa Rosa - RS]
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia

O Todo

Entre telas e pincéis
vejo-me,
Traçados circulares, ondulantes,
triangulares, instigantes,
retas, verticais-horizontais.
Ondas de tinta e emoção.

Na tela limpa,
a tela do espaço-tempo,
do momento infinito-agora,
Onde traço \'universos\' de sonhos
tocados, intocáveis,
decifráveis, indescritíveis.

Espalha-se a tinta e o coração.
Transmutam o branco
em linhas e cores,
amores, flores, arquétipos...
Não há pincéis, nem tintas.
Não há tela-espaço-tempo-eu.

Só há vida pulsando.
Só há coração palpitando.
Expandindo-se além.
Dimensão ilimitada!
Só há o Todo
e, no Todo, o só.

Maggioni,Véra Lúcia de Campos
In: Antologia Poética Brasileira, série Colibri, Shan Editores;
Porto Alegre - RS -Brasil;1999

__________________________

Denominação...

Mesmo num instante infinitamente fugaz.
No corre-corre de uma existência audaz.
No cotidiano móvel e veloz.
No vai e vem temporário e feroz.
Na fome e sede do corpo e da alma voraz.
No intrincado alfabeto de \'A\' A \'Z\'.
Ímplícita em si a denominação sempre está,
É só ter coragem e, procurar pelo encontro.

O que é?

É um macio e irretocável toque de Luz.
É um círculo de Consciência interior.
É uma brisa sutil de calmante anil.
É um sentir transformador tão gentil.
É Sentinela de Amor penetrante,
De respeitável e envolvente lilás,
Com matizes perfeitos de um \'ÁS\',
De naipe ímpar.

É um despertar vitorioso e íntimo,
De que o ser humano é capaz,
Nadando no rio da mente de seu espaço interior,
Sem nem mesmo reflexionar; só carregar...
Permitir-se sentir e voar, sem questionar,
Como um \'todo\' transitando pelos caminhos da vida,
Absolutamente primário; lançando também toneladas,
De uma bagagem tão leve...

- Denominada PAZ!

Vera&Poesia
SantaRosa RS- Brasil-janeiro de 2006
Direitos Autorais Reservados.

______________________

A Dança

Veja a dança da vivência!
Muitos vivem da experiência.
Outros tantos, só da existência.
Muitos vivem na esperança.
Outros tantos, só na andança.
Porém, belo é fazer da existência, uma experiência de andança na esperança.

Ou será,
Belo é fazer da esperança da existência
uma andança de experiência?
Belo é fazer da existência uma experiência
de andança na esperança?
Belo é fazer da andança da esperança,
uma experiência de existência?
Bela uma experiência de andança na existência da esperança?

É sua a dança!

Maggioni, Véra Lúcia de Campos

In: Mentiras em Tons de Verdade
[ Versos e Prosa ]; ASES, Santa Rosa – RS - Brasil; 2001.

biografia:

Véra Lúcia de Campos Maggioni
, nascida no dia 23 de outubro de 1955 em Santa Rosa -RS- Brasil,onde reside.
Fonoaudióloga formada pela Universidade Federal de Santa Maria em 1977, Santa Maria -RS; atua ativamente na profissão até os dias de hoje em Santa Rosa - RS
Especializada em Neurolíngüista,Holísica e em áreas da Psicologia, como também em Informática na Educação.
Casada com Eloi Maggioni; tem duas filhas Mariana e Marília, seu legado de amor na tela visível da grande Vida, dádivas de Deus.
Poeta por natureza, escreve desde os 9 anos de idade porém, só iniciou a publicação de seus escritos em 1990, folhetins, jornais da cidade e do estado após; premiações em concurso literários e publicações em Antologias poéticas Brasileiras entre outras e na internet; persiste na busca constante da melhoria contínua do ser.
Persegue os temas reflexivos e meditativos, ama a vida em plenitude.
Poeta e escritora, aprendiz eterna. Amante das Artes em geral, das Letras, da Fonoaudiologia, da Psicologia, Filosofia e especialmente da VIDA.
Sem pretensões, encontra-se sempre em busca do entendimento e da expressão do íntimo, do Universo, dos Eus, da Vida, entre tantos temas reflexivos, expressados em seus escritos e em telas de pintura, além dos vividos no seu cotidiano de trabalho e vivência.
Escreve, desde 1978 artigos sobre Fonoaudiologia que vivencia, nos jornais da cidade e estado, como uma das precursoras que é e divulgadora constante da Fonoaudiologia no Brasil sempre em evolução.
Véra, simplesmente Véra em incansável busca evolutiva diz modestamente,

De fio em fio, entrelaço,
Desfaço os nós de laço em laço,
Enlaço o abraço,
desembaraço em passo de compasso,
Insistente e permanentemente
em passo...
Nas passadas faço, alço,
traço,passo, pouso...
No espaço-eu-Todo-nós!
Vera&Poesia

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s