s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Krlia Nether Nassau
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia

A Primavera e o Outono

Saudosista, viaja no tempo
Tempo esse que nada o resgatará,
O qual é até difícil de apagar.
Porque tudo se resume a...
Sintonia, primavera em outubro
Brisa da noite
chuva que caia
tão suavemente, que ao contato com a pele,
misturava-se ao toque,
transformado em UNO
Hoje, a sintonia se desfez,
Primavera aqui, outono aí
Cada um em sua estação
Mas nos seus sonhos,
a primavera ultrapassa todas as barreiras,
barreiras além corpo onde,
nem todos os mortais podem ultrapassar
Saudosista, liberta-se em sono.
Em busca do outono
só para ir, a saudade matar,
aquecer o seu coração – que é frio mas dono de um aconchegante mistério
Com as simples e doces lembranças de um passado
que apenas o vento frio do outono e a fina chuva da primavera,
podem relembrar.

_______ //_________

O rato e o queijo

Alguns se dizem pessoas, mas na realidade, mais se parecem ratos,
aguardaram o momento oportuno para levar o meu precioso pedaço de queijo
Pedaço este, que esperei muito [coisa de séculos] para poder prova-lo,
degustar cada parte, sem pressa
O pedaço de queijo mais raro que já vi, o mais lindo trabalho artesanal
O guardava no lugar mais secreto,
impossível alguém acha-lo, a não ser que fosse um rato
De longe sentiu o cheiro,
não se importou como o queijo era,
sua beleza, sua raridade, seu sabor, nada disso importou
Apenas, queria saciar a sua fome egoísta e,
aprisionar o meu raro e valioso pedaço de queijo em sua toca,
escura e sombria,
até fez o queijo acreditar que ali era o melhor lugar para se estar,
mas ele, de tão puro e claro,
nem imaginava que brevemente os fungos iriam começar a tomar-lhe a beleza e o sabor, tornariam-no então, um pedaço de queijo amargo, roído e duro.
Singelas lembranças tornam-me saudosista,
iguaria igual, jamais encontrarei
até que procurei em queijos que estão na geladeira a tempos
mas nenhum é tão raro e digno do minha apreciação como aquele.
Até pensei em colocar uma ratoeira para resgatar o meu queijo
Mas aprendi que as coisas são como tem que ser
Rato e queijo
Assim, deixarei viver
Não mais viverá o que faz doer o coração:
a saudade do queijo roubado.

________ // ________

Sonatas

Beethoven vem...Sutil
Com sua, somente sua sonata Nº14 em Dó Sustenido Menor
Dó, nó
No inicio sensação fúnebre
O piano parece chorar
Por algo ou alguém
Quem sabe?!
Beethoven chorou

Outra vertente:

Finda tarde de outono
A brisa leve do vento anuncia a chegada do inverno
Gélido e silencioso
As gaivotas fazem o ultimo vôo antes de se recolherem,
em busca de alimento e de um parceiro
As ondas quebram no seio da praia delicadamente
Harmoniosamente misteriosas
Trazem e levam segredos da profundeza omissa pelas águas
O sol já com sua luz a desaparecer
baixa lentamente em sintonia com Beethoven
como quem serra as pálpebras lentamente, permitindo que a escuridão da noite desponte
enquanto as folhas que ainda restam, dançam sua ultima peça de balé, formando
pequeno tornado que se move com leveza, esperando a noite que está por vir e a tarde que se finda para sua última apresentação.
O ermitão, sábio poeta, com olhos fixos, assiste tudo e chora.
A emoção toma conta do seu ser! Saudosista relembra tempos que só a brisa do mar pode trazer. Tempo distante, lugar guardado e protegido pelas águas.
O corpo se dissipa no tempo tornando-se somente luz,
o ser que habita o seu ser.

biografia:
Kérlia Nether Nassau
, nasceu em Montes Claros – MG [Brasil], no dia vinte de setembro de 1980, desde a infância se interessa pela arte, começou desenhando, mais tarde veio a necessidade de escrever, transpor de forma mais clara e intensa todos os pensamentos, tudo feito sem técnica alguma, apenas intuição, emoção e sentimentos, descobriu a arte reunindo estes três elementos. Ainda muito pequena, descobriu a música erudita, apaixonou-se, mas o acesso era bem restrito, mais tarde relacionou a música a sua maior fonte de inspiração o que intensificou a sensibilidade.
Acadêmica do 3º ano de Biomedicina e funcionária da Gerência Regional de Saúde, dedica-se, sempre que pode, às artes com a mera intenção de expressar sua alma.
Acredita que a arte e a cultura são capazes de purificar o espírito e dignificar o homem, portanto, trabalha pelo bem de forma culturalmente artística, valorizando e apreciando a arte como tem que ser.

kerlianether@yahoo.com.br

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s