s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Tanussi CARDOSO
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia
VULO I

meu poema larva:
que bicho se abrir
em palavra?

OS OLHOS NOS DESVOS

o pijama despido do corpo
dorme seus sonhos

o rosto no retrato
estampa uma febre antiga

o piano dedilha
memria e descompasso

o fantasma de um gato
descansa no sof

a escada suspira
os passos dos homens

no escuro as coisas
brilham seus nomes

FOTOGRAFIA

o que sem palavras
fala

ou o que sendo vista
cala

ou o que espelho
no mascara

ou o que se fra
no mais sara

ou o que sombra
luz na sala

biografia:

TANUSSI CARDOSO
poeta, letrista, crtico literrio, jornalista e advogado. o atual Presidente do Sindicato dos Escritores do Estado do Rio de Janeiro [SEERJ].
Carioca, do signo de Peixes, nascido em 25 de fevereiro de 1946, na Rua Estevo Silva n 155, em Cachambi, subrbio do Rio de Janeiro, onde viveu at aos 9 anos, quando o casaro foi demolido para dar lugar a um edifcio e uma vila com 8 casas e 1 prdio. Mudou-se, ento, para um pequeno apartamento na Rua Amlia 78, casa 5, apt 101, em Quintino Bocaiva. Quatro anos mais tarde, aos 13 anos, nasceu sua irm mais nova, a tambm escritora e poeta, Carmen Moreno. Filho de Jos Barreto Cardoso [falecido], natural de Sergipe, e da carioca Carmen Castilho Cardoso, hoje, com 90 anos, o 4 filho de uma gerao de cinco [1 irmo e 3 mulheres, sendo que as duas mais velhas, falecidas].
Cursou o primrio numa escola pblica do Mier, terminando-o na Escola Quintino Bocaiva, no bairro de mesmo nome, e na Escola Frana, no mesmo bairro. Completou seus estudos ginasianos na Escola Estadual Visconde de Cairu, e, o clssico, na Escola Repblica do Peru, ambas no Mier. Nessa mesma poca, licenciou-se em ingls, pelo British Brazilian Course, e sobrevivia dando aulas particulares de portugus, francs e ingls.
Em 1966, passou no vestibular para jornalismo, na PUC/RJ, vindo a se formar em 1970. Nesse nterim, ingressou, por concurso, no Tribunal de Justia do Estado do Rio de Janeiro, mudando-se para Copacabana, Zona Sul do Rio. Em 2002, aos 33 anos de servio pblico, aposentou-se como Escrivo. Nos anos 80, chegou a cursar o 2 ano de Literatura, na PUC/RJ, no completando o curso. Em 1997, passou no vestibular para Direito, na Bennett/RJ, formando-se em 2000.
Como jornalista, trabalhou como reprter na Rdio JB e no jornal O Fluminense, em Niteri. Hoje, praticamente, trabalha como 'freela', escrevendo para muitos jornais literrios, sendo colunista efetivo do Jornal Rio Letras, a convite do poeta e amigo Marcus Vinicius Quiroga, onde exerce com mais assiduidade o papel de crtico literrio.
Costuma dizer que a poesia e a msica o acompanham desde que nasceu; influncia do pai, que gostava muito de cantar, era danarino premiado de tango, e sabia poemas de Castro Alves, Olavo Bilac, Raimundo Correia e outros, de cor, recitando-os nas festas. Com certeza, o gosto pela poesia veio dele. Mas os gibis, Monteiro Lobato e o rdio formaram a base de sua educao cultural.
No ginsio, ganhou seus primeiros concursos de literatura. At que, em 1975, classificou-se num concurso literrio organizado pelo poeta Walmir Ayala, conhecendo, na oportunidade, Leila Mccolis, Glria Perez, Eugnia Loretti e outros. Desde ento, nunca mais largou a poesia e a literatura.
Nos anos 70, chegou a co-dirigir, juntamente com Leila Mccolis, Glria Perez e Carlos Arajo, a editora Trote, que lanou vrios livros de poesia, alm de um jornal literrio, transformando-se, mais tarde, num grupo de poesia teatralizado, de muito sucesso, o Teatrote, com Leila Mccolis, Carmen Moreno e Eugnia Loreti.
Da gerao que cultiva a poesia desde a dcada de 70, Tanussi Cardoso dos mais atuantes, apresentando-se em recitais de poesia e eventos literrios, alm de ser convidado para Festivais por todo o pas como poeta-palestrante e jurado de concursos literrios.
Colaborador ativo de diversas publicaes literrias, tem trabalhos artsticos em cartazes, envelopes e outros suportes, alm de estar includo em diversas antologias de poemas.
Seus poemas foram publicados no Jornal Rascunho [Curitiba/PR], nas revistas Poesia Viva [Ed. Uap/RJ] e Poesia Sempre [Biblioteca Nacional/RJ], entre tantas outras.
Entre outros eventos, foi um dos convidados do Congresso Nacional de Poesia, de Bento Gonalves/RS, organizado por Ademir Antonio Bacca. 2004 e 2005].
Em 2005, foi convidado do 1 Belo Potico - Encontro Nacional de Poesia, em Belo Horizonte/MG, organizado pelo poeta Rogrio Salgado, para participar, como debatedor, da mesa-redonda sobre o tema 'A Poesia na Educao', retornando como convidado em 2007.
Participou de um documentrio especial sobre poesia brasileira, produzido e dirigido pelo poeta Claufe Rodrigues, veiculado pelo canal GNT/NET [2005].
Foi convidado pela organizao da Bienal do Livro para a estria do 'Jirau da Poesia', onde se apresentou juntamente com os poetas Adriano Espnola, Cludia Roquette-Pinto, Francisco Bosco e Marcelo Diniz, com direo de Claufe Rodrigues. Na mesma Bienal do Livro, convite do SESC, fechou a programao do evento SESC POESIA [2005].
Participou da estria do programa 'Palavro', primeiro programa sobre poesia da TV brasileira, apresentado pelo poeta Claufe Rodrigues, veiculado pelo Canal Brasil/NET. [2005].

Participou do Seminrio Cultura Nacional & Auto Estima, organizado pelo Clube de Engenharia do Estado do Rio de Janeiro, sobre o tema 'Poltica Nacional de Cultura' [2005].
Mediou o debate sobre o tema 'Poesia - para que serve?', no VI Festival Carioca de Poesia, organizado pelo Grupo Poesia Simplesmente, no Caf do Teatro Glaucio Gill, em Copacabana, Rio, cuja mesa contou com os poetas Alberto Pucheu, Andr Gardel, Caio Meira e Marcus Vinicius [2005].
Com curadoria da poeta Laura Esteves, coordena, juntamente com o poeta Marcus Vinicius Quiroga, os projetos 'Forum Poesia' e 'O Forum vai ao Fundo', realizao do Forum de Cincia e Cultura da UFRJ.
Seu trabalho potico foi tema de monografia na UFRJ, apresentado por Mrcia Miranda Jayme, bem como tema de Seminrio entre os alunos da Universidade Veiga de Almeida, Tijuca/RJ, organizado pela professora Christina Ramalho [2004].
. Membro da Associao dos Poetas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro [APPERJ] e do PEN-CLUBE DO BRASIL.

OBRAS PUBLICADAS:

- 'Desintegrao' [Ed. do Autor,79/RJ]
- 'Boca Maldita', prefcio de Leila Miccolis [Ed. Trote,82/RJ]
- 'Beco com Sadas', prefcio de Socorro Trindad [Ed. Edicom,91/SP], Prmios UBE/RJ e UBE-Guararapes/GO
- 'Viagem em Torno de', prefcio de Salgado Maranho [Ed. 7Letras,2000/RJ], cuja 2 edio se esgotou, Prmios ALAP de Cultura, da Cmara Municipal do Rio de Janeiro e da Academia de Letras e Artes de Paranapu, alm do Prmio Capital Nacional 2000, do jornal O Capital[Aracaju/SE], eleito o Poeta do Ano, alm de Menes no Prmio Ruth Scott, do SEERJ[93], Prmio Jorge de Lima, da UBE[94] e Prmio Carlos Drummond de Andrade, da UBE[99]
- 'A Medida do Deserto e Outros Poemas Revisitados', inserido na coletnea de poemas 'Rios', apresentao de Thereza Christina Rocque da Motta [bisLibris/2003/RJ]
- Em 2006, representou o Brasil no Segundo Festival Latinoamericano de Poesia 'Ser al fin uma palabra', dentro do Dia Mundial da Poesia, na Cidade do Mxico, onde lanou 'EXERCCIO DO OLHAR', prefaciado por Gilberto Mendona Teles e Luiz Horcio Rodrigues, finalista do Prmio Nacional de Poesia Cidade de Juiz de Fora 2003. [Fivestar/2006/RJ] e eleito o Melhor Livro de Poesia de 2006, no Congresso Latino Americano de Literatura, em So Francisco de Itabapoana / RJ.

DISCOGRAFIA:

- 'Veredicto', com Delayne Brasil. CD 'Nota no Verso', de Delayne Brasil, 2003.
- 'Lbios que Beijei', com Delayne Brasil. CD 'Nota no Verso', de Delayne Brasil, 2003.
- 'Beco com Sadas', com Sandra Bernardo. CD 'Gata de Rua', de Sandra Bernardo.
- 'Viver a Vida', com Amarildo Silva. CD 'Rios Afluentes', de Amarildo Silva, 1995.
- 'Barraco Vazio', com Amarildo Silva. CD 'Estao', de Amarildo Silva.
- 'Cano pra Diadorim', com Amarildo Silva. CD 'Virgem Serto Roseano', de Amarildo Silva.
- 'Virgem Serto Roseano', com Amarildo Silva. CD 'Virgem Serto Roseano', de Amarildo Silva.
- 'Cruz do Serto', com Amarildo Silva. CD 'Virgem Serto Roseano', de Amarildo Silva.
- 'Viver a Vida', com Amarildo Silva. CD 'Cambada Mineira', 1999.
- 'Femup 2000', cd com msica e poesias premiadas no XXXV Festival de Msica e Poesia. Seu poema 'Das Dores de Amor' interpretado por Rosi Sanga. Fundao Cultural de Paranava/PR, 2000.
- 'I Concurso Internacional de Poesias Cantinho do Poeta', com a gravao do poema 'Sobre o Mar'. Rickmarc-CD Publishing, Inglaterra, 2001.

ALGUMAS CITAES EM LIVROS:

- 'A Poesia vai Luta', ensaio de Heloisa Buarque de Hollanda e Carlos Alberto Messeder Pereira. Literatura Comentada - Poesia Jovem Anos 70 Ed. Abril Cutural/SP/SP.
- Antologia da Nova Poesia Brasileira, org. de Olga Savary, Fundao Rio/Rio Arte e Ed. Hipocampo [1992].
- 100 anos de poesia: um panorama da poesia brasileira no sculo XX [O Verso/RJ/2001], org. Claufe Rodrigues e Mano Melo.
- Enciclopdia de Literatura Brasileira [Fundao Biblioteca Nacional/RJ/2000], org. de Afrnio Coutinho / J. Galante de Souza.
- Poetas Contemporneos Brasileiros, Coleo Prata Nova, Vol. 1, org. de Ademir Antonio Bacca, Ed. Garatuja, Nova Prata/RS [1990].
- 'Do Poder ao Poder', ensaio de Leila Mccolis. Ed. Tch, Po/RS.
- 'Abertura Potica - Primeira Antologia de Novos Poetas do Novo Rio de Janeiro, Vol. 1', org. de Walmir Ayala e Csar de Arajo. C.S. Editora/RJ [1975].
- 'Dicionrio Cravo Alvim da Msica Popular Brasileira [2005].

ALGUMAS CITAES EM PERIDICOS:

- Catlogo da Produo Potica Impressa nos Anos 90 - Edio Especial n 1, org. de Leila Mccolis e Urahcy Faustino. Blocos - Jornal Cultural. Ed. Blocos, Rio/RJ.
- 'Independentes, Marginais ou Alternativos [Dcada de 70]', Poesia Brasileira Sculo XX [Revista Dimenso/MG/83], ensaio de Guido Bilharinho. Dimenso-Revista de Poesia n 7, n especial I sobre Poesia Brasileira Sculo XX: Breve Notcia Documentada, Braslia/DF.
- 'Baladas de Vida e Morte', crtica de Marcello Rollemberg, sobre o livro 'Viagem em torno de'. Cult-Revista Brasileira de Literatura n 50, setembro de 2001/SP/SP.
- 'A Fora dramtica da Poesia de Tanussi Cardoso', por Marcus Vinicius. Jornal Panorama n 10, Rio/RJ.
- 'Graas a Deus...os Poetas Ainda Vivem', reportagem de capa em homenagem ao poeta. Revista Angel News n 21, Rio/RJ.
- 'Um Poeta na Encruzilhada', crtica de Luiz Horcio Rodrigues. Comentando Literatura, Internet.
- 'Poesia e Empatia', ensaio sobre o poema 'As Mortes', por Marcus Vinicius. Jornal Panorama n 15, Rio/RJ.
- 'A Poesia de Tanussi Cardoso', homenagem de Helena Ortiz, com a publicao de 8 poemas do autor. Jornal Panorama n 10, Rio/RJ.
- 'A Coragem de Encarar as Sadas do Beco', crtica de Jurema Barreto de Souza. Revista Livrespao n4, SP/SP.
- 'A Poesia de Tanussi Cardoso', crtica de Diniz Flix dos Santos. Jornal Poitik n 399, Braslia/DF.
- 'Um Canto Incisivo', crtica de Anderson Braga Horta. Revista da Academia Brasileira de Letras n 13, Braslia/DF.
- 'Vozes da Poesia', crtica de Jos Afrnio Moreira Duarte. Coluna Resenha Literria, Jornal Destaque, BH/MG.
- 'La Nueva Poesia Brasilea', ensaio de Fernando Solarte Lindo. Jornal El Pais [Dominical, Cal, Colmbia].
- 'Muestra de Poesia Brasilea Actual - I - Independientes/Marginales/alternativos', ensaio de lvaro Miranda, com a traduo para o espanhol de 2 poemas. Montevideo/Uruguai.
- 'O Novo Network Potico 80 no Rio de Janeiro', ensaio de Carlos Alberto Messeder. Revista do Brazil n 5 - Literatura Anos 80', edio do Governo do Estado do Rio de Janeiro.
- 'Fora da Gaveta', crtica de Domingo Gonzalez Cruz. Suplemento da Tribuna n 39, Rio/RJ.
- 'Desintegrao', crtica de Mario Newton Filho. Letras Fluminenses n 19, Niteri/RJ.
- 'Rio-Viso do Aqui e Agora', ensaio de Leila Miccolis. Revista de Literatura Escrita n 30/SP/SP.
- 'O Ofcio da Palavra - Boca Maldita', crtica de Leila Miccolis. Complemento n 16, Jornal de Recreio/MG.
- 'Carta Aberta a Tanussi Cardoso - Morri inda No', crtica de Newman Sucupira. Jornal O Capital, Aracaju/SE [junho de 2000].
- 'Viagem em torno de', crtica de Silvrio da Costa. Opinio, Dirio do Iguau n 913, Chapec/SC [15/09/2000].

ALGUNS PRMIOS LITERRIOS:

- 1 lugar no Concurso Pgaso de Poesia, Santos/SP;
- 1 lugar no Concurso Onde Est o Poeta?, da Hebraica/RJ;
- 1 lugar no Prmio Sesc-Copacabana de Poesia;
- 1 lugar no Concurso Nacional do Jornal Poesia Viva/2000 - Prmio Gilberto Mendona Teles, onde venceu, tambm, como intrprete [poema 'Morada'];
- 1 lugar no Concurso Internacional de Poesia/2000 - Prmio Saturnino Paccitti, da Associao de Escritores de Bragana Paulista, concorrendo com poetas de Portugal, Alemanha, Inglaterra, EUA e Cuba [poema 'Morada'];
- 4 lugar no Concurso Internacional de Poesia Cantinho do Poeta [2001], em Londres, concorrendo com cerca de 500 trabalhos do Brasil, Portugal, EUA, Reino Unido, Canad e ustria [poema 'Sobre o mar'];
- 1 lugar no Concurso Internacional de Arte, Prosa e Poesia da UBENY/2002 - Unio Brasileira de Escritores com sede em Nova York [poema 'Fiat lux'];
- 1 lugar no Concurso de Poesias do Tribunal de Justia do Estado do Rio de Janeiro [poema 'Certas respostas'];
- 1 lugar no Festival Nacional Petrobras de Poesia, ganhando, igualmente, como intrprete [poema 'Certas respostas'];
- 1 lugar no Concurso Internacional Il Convvio [2003], sezione Poesia in lngua portoghese, Siclia/Itlia [poema 'Certas respostas'];
- Finalista dos Prmios UBE/RJ e UBE/Gois, com o livro 'Beco com Sadas' [1991];
- Vencedor do 'Prmio Alap de Cultura/RJ' e do 'Prmio Capital Nacional - Poeta do Ano/SE' [2000], com o livro 'Viagem em torno de'. O mesmo livro j havia sido finalista do 'Prmio Ruth Scott', do Sindicato dos Escritores RJ [93]; 'Prmio Jorge de Lima', UBE/RJ [94] e 'Prmio Carlos Drummond de Andrade', UBE/MG [99].

TRABALHOS NO EXTERIOR:

Tem poemas publicados na Argentina, Chile, Colmbia, Espanha, EUA, Itlia, Mxico, Portugal e Uruguai, e traduzidos para o francs, espanhol, castelhano e italiano, alm de poemas lidos no programa 'Dicho sea de paso', da poeta Perpetua Flores, na rdio Argentina, Onda Latina,AM. Fez a apresentao do livro 'Habitar el Tiempo', da poeta mexicana Anglica Garca Santa Olaya, Tintanueva Ediciones, Mxico D.F, 2005.

ALGUMAS HOMENAGENS POTICAS:

- 'Reflexes sobre as dores do amor do amar' ou 'A lgica antropoitica de Tanussi Cardoso', poema de Carlos Willian dedicado ao poeta, Goinia, 21/01/01.
- 'Cristais', poema de Carmen Moreno dedicado ao poeta.
- 'Ingrid', poema de Thereza Cristina Rocque da Motta dedicado ao poeta, publicado em 'Rios', IbisLibris Ed. /RJ, 2003.
- Seu poema 'Substantivos' publicado em pster/folhinha pelo poeta Cineas Santos, com trabalho grfico-visual do artista plstico Soares Barbosa. Teresina/PI, maio de 2001.
- Seu poema 'Miragens', baseado no leo s/tela 'Beduno', de Majon, publicado em carto da Telemar, numa tiragem de 200.000 exemplares.
- 'O Poeta na Avenida', poema de Thereza Cristina Rocque da Motta dedicado ao poeta.
- 'Poema'. de Rosane Carneiro dedicado ao poeta.
- 'Dietpoema', poema de Regina Pouchain dedicado ao poeta.
- 'Potica Para um Poeta', poema de Luiz Fernandes da Silva dedicado ao poeta, publicado no livro 'Rodzio', Ed. do Autor, Joo Pessoa/PB.
- 'Fio a Fio', poema de Euclides Amaral dedicado ao poeta. Revista Urbana n 15, Rio/RJ.
- 'Bilhete para Tanussi Cardoso', poema de Luiz Fernandes da Silva dedicado ao poeta.
- 'Sociedade dos Poetas Vivos', poema de Mano Melo em que citado junto com vrios outros poetas, publicado no livro 'Saciedade dos Poetas Vivos', Ed. Edicon/SP.
- Recebe o Diploma de Honra ao Mrito da Academia Paraibana de Poesia, na presidncia de Luiz Fernandes da Silva [1979].
- Recebe o ttulo de 'Poeta do Ano/78', da Coluna 'Letras, Fatos e Gente', do jornalista Luiz Fernandes da Silva. Jornal O Aspep, Joo Pessoa/PB.
- eleito 'Membro Acadmico Benemrito - Ad Honorem', do Centro Cultural Literrio e Artstico de Gazeta de Felgueiras. Felgueiras/Portugal [1990].
- Recebe os ttulos de 'Poeta Destaque do Ano do Brasil' e 'Personalidade Potica do Brasil', pelo Jornal Correio de Poesia, editado por Luiz Fernandes da Silva. Joo Pessoa/PB.
- 'A Tanussi Cardoso', poema de Gloria Perez dedicado ao poeta. Correio de Poesia n 42, Joo Pessoa/PB.
- 'Viagem em torne de - um mundo de poesia', poema de Geraldo Pereira dedicado ao poeta.
- 'Ruah - esprito de Deus', poema de Wanda Brauer dedicado ao poeta, publicado no livro 'Memria do Futuro', Oficina Editores/RJ, 2005.
- 'Quando chove', poema de Fabio Rocha dedicado ao autor, publicado no livro 'Corte', IbisLibris Ed. /RJ, 2004.
- 'Vampiro', poema de Anglica Garcia Santa Olaya dedicado ao autor, publicado no livro 'Habitar el Tiempo', Tintanueva Ediciones, Mxico/ D.F, 2005.
- 'Calaveritas', poema de Anglica Garcia Santa Olaya, poeta mexicana, dedicado ao autor e ao poeta Marcio Carvalho.
- 'Mos de Versos', poema de Rosa Born em que citado junto com vrios outros poetas.
- 'Hora do poema', de Rosa Born, dedicado ao autor.
- 'A Atriz', poema de Manoel Gomes dedicado ao autor.
- 'A Tanussi Cardoso', poema de Fabio Rocha dedicado ao autor.
- 'Mensageiro', poema de Carmen Moreno dedicado ao autor.
- 'Nudez', poema de Carlos Costa dedicado ao autor.
- ' Silncio', poema de Fabio Rocha dedicado ao autor.
- 'A Tanussi Cardoso', poema de Graa Carpes dedicado ao poeta.

VDEOS:

- 'Aos que Morrem de Aids', vdeo-poema dirigido por Mnica Serpa, Rio/RJ [2000].
- 'vulo', vdeo-poema dirigido por Mnica Serpa, Rio/RJ [2000].

FORTUNA CRTICA RESUMIDA:

Sua obra tem sido avaliada positivamente por grandes crticos, escritores e poetas brasileiros, como Anderson Braga Horta, Antonio Carlos Secchin, Assis Brasil, Caio Porfrio Carneiro, Carlos Nejar, Fabrcio Carpinejar, Fernando Py, Gilberto Mendona Teles, Hugo Pontes, Joaquim Branco, Jomard Muniz de Brito, Leila Mccolis, Jomard Muniz de Brito, Luis Augusto Cassas, Luiz Horcio Rodrigues, Marcello Rollemberg, Moacy Cirne, Neide Archanjo, Nicodemos Sena, Olga Savary, Reynaldo Valinho Alvarez, Ronaldo Cagiano, Salgado Maranho, Stella Leonardos, entre outros.

BIBLIOGRAFIA CRTICA RESUMIDA:

AFFONSO ROMANO DE SANT'ANNA: 'Sua poesia mesmo da melhor qualidade: densa, criativa, funcionando oral ou escritamente, reiventando-se continuamente.'
ANDERSON BRAGA HORTA: 'Tanussi Cardoso poeta de linguagem forte, s vezes contundente. Um canto incisivo. Sua poesia tem fora!'
ANTONIO CARLOS SECCHIN: 'Parabns pela sua 'Viagem em torno de', onde, a meu ver, um dos pontos altos o belo tom elegaco que voc empresta a tantos poemas, e que foi bem observado na arguta apresentao de Salgado Maranho.'
ARTUR DA TVOLA: 'O seu livro 'Viagem em torno de' timo. Seu entretecer potico com temas como a morte e um apaixonado erotismo, traz o ser em carne viva, retemperado pela beleza do verso, como diz Cruz e Souza: 'Ficou gemendo mas ficou sonhando'.
CAIO PORFRIO CARNEIRO: 'A sua poesia a um tempo analtica, impressionista, intimista e ricamente simbolista. Nos poemas longos voc mais lrico e humano, nos mais curtos aproxima-se do hai-kai. Sua poesia , quase sempre, plena de constataes. Isto mostra a riqueza formal e temtica de suas criaes. Gostei muito do seu livro, 'Beco com Sadas', e de sua poesia, s vezes eltrica, sincopada, direta, eivada de achados oportunos e brilhantes.'
CARLOS NEJAR: 'Poemas fortes, com sotaque pessoal - coisa que vai escasseando no mercado. Sabe o ouro do silncio e a prata da revelao.'
D. PEDRO CASALDLIGA: 'Beco com Sadas' humano, denso, cabal' .
FABRICIO CARPINEJAR: 'Adoro versos do teu 'Viagem em torno de': um Deus insiste que sim / sei no / acho que s vou / morrer / depois de mim. Tua poesia apura os ouvidos do tato'.
FERNANDO PY: 'Trata-se de um poeta e de uma poesia especial, naquele sentido em que a morte, como tema, no torna melanclica a poesia nem o poeta se deixa abater pela sua ocorrncia, transformando-a em motivo potico. Com este livro, a poesia de Tanussi Cardoso d um enorme salto em qualidade.'
HUGO PONTES: 'A obra de Tanussi Cardoso, para quem o acompanha atravs de publicaes em antologias e suplementos, vem crescendo ao longo dos anos, mostrando um poeta na plenitude do domnio da palavra.'
IACYR ANDERSON FREITAS: 'Sua 'Viagem em Torno de' me levou pelo caminho. Vou ter de lhe escrever a respeito, j que a forte impresso que sua poesia me causou no pode ficar presa em poucas linhas. S um comentrio breve: 'As mortes' e 'Gestos' merecem um livro parte. Neste livro o seu verso est justo, seco, cortante.'
LUZ HORCIO RODRIGUES: 'Tanussi tem algo de Baudelaire. O melhor. O lirismo crtico, a ausncia de sentimentalismo barato e o contato com os mitos. 'VIAGEM EM TORNO DE' ganha o leitor pela emoo. Mas Tanussi no um poeta comum e evita os exageros do otimismo: 'O pai se chama Culpa / a me se chama Mgoa./ O filho agora Ausncia: triste Tringulo do nada'. Tanussi uma ave rara, pssaro livre equivocadamente procurando pouso. Que seu voar no cesse, voe alto, cada vez mais alto evitando deuses, santos ou crucificados, bandos e vampiros e que brilhe como o sol. Clido e solitrio. Tive uma agradvel surpresa com 'Viagem em Torno de'. O que li me fascinou. A temtica me fascina. Costumo dizer que no temos mais de uma dzia de poetas, agora acho que posso dizer que temos 13. Foi um prazer conhecer sua poesia . Seu livro timo. Seu livro um dos grandes lanamentos poticos do ano! Voc um poeta de verdade, como Luis Augusto Cassas e Ferreira Gullar. Voc um poeta raro.'
MANO MELO: 'Voc fez um livro belssimo, onde h pura poesia, imagens fortssimas e de grande sensibilidade. Atualmente, um dos meus livros de cabeceira! Um dos melhores do ano, sem dvida! 'Viagem em Torno de' um grande livro, assim como voc um timo poeta!' 'Viagem em Torno de' um impacto de beleza e profundidade'.
MOACY CIRNE: 'Li o seu livro, Viagem em torno de', de um s flego. Um belo livro, diga-se de passagem. Alm do antolgico 'As Mortes', h poemas de grande sensibilidade potica em torno de um tema que poderia ter cado na pieguice, mas que voc soube dar timo tratamento literrio. Desde j, um dos grandes livros do ano!'
NICODEMOS SENA: 'Teu significativo livro confirma o que j ouvira sobre teu talento de poeta. Vigorosa poesia... belo livro. 'Viagem em torno de' um impacto de beleza e profundidade.' 'Viver crer no que se quer viver / voar nas asas dos pssaros, sem sangr-los'. H alguma coisa mais a dizer da vida, da literatura e da prpria poesia, depois desses versos do poeta carioca Tanussi Cardoso? Seus versos 'desinventados', prenhes de vida e filosofia, no se podem reduzir pela anlise formalista, meramente literria. Pois, em Tanussi Cardoso, os significados esto muito para l das palavras. Com apenas 78 pginas, 'Viagem em torno de' um grande livro de poesia, talvez o maior que nos ltimos tempos apareceu em terras brasileiras. Poucos o conhecem, mas isso no importa. O que belo, seja l o que for, belo em si mesmo e em si mesmo completo, no se lhe integrando o louvor. Num pas como o Brasil, onde sucesso e vulgaridade quase sempre andam juntos, possvel que Tanussi Cardoso, um poeta magnfico, continue desconhecido do grande pblico. Tambm isso no tem importncia. Afinal, o que a fama?'
OLGA SAVARY: 'Refletindo sobre a morte, Tanussi faz um belo balano da vida, com verdade, pungncia, conscincia e lucidez. Ele joga lirismo onde h a poluio da vida, joga esperana onde h s abismo, buscando humanizar o desespero, sem perd-lo de vista.'
REYNALDO VALINHO ALVAREZ: 'Viagem em Torno de'. Gostei dos temas e do tratamento que voc deu a eles. H humor, ironia latente, emoo contida e a viso das grandes preocupaes que atormentam a humanidade e que so as referncias s quais a poesia autntica volta e voltar sempre, porque residem no mago do ser humano. Agradeo-lhe o presente que seu livro significou para mim.'
RONALDO CAGIANO: 'Tanussi, sempre um prazer esttico l-lo. Ainda mais viajando em torno de seus novos versos: vigorosos, visceralmente comprometidos com o mistrio da vida e as inquietaes diante do inusitado amanh. Seu novo livro, 'Viagem em torno de', traz um sopro nossa carncia por boa poesia. obra de intenso fluxo imagtico. Sou seu leitor atento e admirador. Sua poesia est entre as melhores produes contemporneas.'
SALGADO MARANHO: 'Rascante viso do cotidiano firmada na ironia, no sarcasmo, e, sobretudo, numa lrica enxuta e visceral.'
STELLA LEONARDOS: 'Impressionante, personalssima tua 'Viagem em torno de'. Modernidade, corao aberto, intemporal. Que bom haver reencontrado tua poesia!'

tanussicardoso@terra.com.br

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s